Product ID: 1793
Product SKU: 1793
New In stock />
VITAMINA C 1G + VIT D3 3000UI + ZINCO 35MG ITAPHARMA

VITAMINA C 1G + VIT D3 3000UI + ZINCO 35MG ITAPHARMA


A Partir de:
R$ 27,50

ou 1x de R$ 27,50 Sem juros
Simulador de Frete
- Calcular frete

Vitamina C

A vitamina C é uma vitamina que deve estar presente em nossas vidas ela nos protege contra a baixa imunidade, possíveis doenças cardiovasculares, envelhecimento da pele e doenças na visão. Embora em alguns casos se faz necessário a reposição dessa vitamina por meio da suplementação em cápsulas, existem também as fontes naturais de vitamina C que estão presentes principalmente nas frutas cítricas como maracujá, laranja e limão e em verduras e legumes em geral.

ACÃO DA VITAMINA C

SAÚDE DOS OLHOS: Devido a constante exposição à luz os olhos são vítimas ao envelhecimento antecipado. Com a "blindagem" recebida da vitamina C, que possui propriedades antioxidantes os olhos estarão protegidos de doenças, como por exemplo, a catarata.

É ANTIOXIDANTE: Essa propriedade que também está presente na vitamina C ajuda a combater os terríveis radicais livres, agentes naturais do nosso organismo responsáveis em acelerar o envelhecimento do corpo e responsáveis pelo surgimento de doenças graves, como por exemplo, o câncer ou mal de Alzheimer.

COMBATE AO STRESS: Em estudos realizados foi constatado que a vitamina C pode ser capaz de reduzir os níveis de Cortisol, hormônio que estimula os níveis de estresse no corpo aliviando o corpo.

REGULAÇÃO DO METABOLISMO: O ácido ascórbico é responsável em regular diversos aspectos do nosso metabolismo, de diversos aspectos podemos destacar uma fácil absorção de ferro e controle dos níveis de açúcar em nosso sangue, beneficiando indivíduos com anemia e diabetes.

GANHO DE MASSA MUSCULAR: Níveis saudáveis de vitamina C certamente ajudam no ganho de massa muscular. Em primeiro lugar, deve-se considerar os efeitos positivos das funções antioxidantes da vitamina C, que protege os músculos dos radicais livres, que são liberados em grande quantidade após os treinos de resistência muscular. Também após o treino, a vitamina C colabora para a diminuição da dor nos músculos, permitindo ao atleta ter mais conforto após treinos pesados. Mais importante, porém, são os benefícios da vitamina C na diminuição dos níveis do hormônio Cortisol. Baixos níveis de Cortisol colaboram para o aumento dos níveis de Testosterona, hormônio importantíssimo para o crescimento dos músculos. Entretanto, recomenda-se cautela e moderação com a vitamina C. Há evidências para acreditar que níveis altos dessa vitamina, obtidos através de suplementação, podem diminuir a performance dos atletas durante os treinos.

MELHORA NO HUMOR: A vitamina C contribui para a produção de neurotransmissores como a adrenalina, serotonina, noradrenalina e dopamina, todos responsáveis para a regulação e harmonia do nosso humor.

O CONSUMO EXCESSIVO DE VITAMINA C

Os sintomas não são muito perigosos, uma vez que o corpo elimina o excesso de vitamina C facilmente. Entretanto, as pessoas afetadas por uma overdose de vitamina C podem passar por um quadro de indigestão, frequentemente acompanhado de náuseas e de diarréia. Fadiga e insônia também são frequentes efeitos do consumo exagerado de vitamina C

Todo suplemento deve ser orientado por um médico ou profissional habilitado, entretanto a atenção deve ser redobrada para pessoas que sofrem ou já sobfreram de cálculos renais e indivíduos com altos níveis de ferro devem limitar seu consumo de vitamina C, pois segundo pesquisas o consumo em excesso da vitamina podem agravar o problema.

Vitamina D3

A vitamina D3 conhecida por ser ativada com a exposição solar é uma importante suplementação para a saúde, uma vez que possui a ação de melhorar a absorção do cálcio no organismo, mantendo dessa forma a vitalidade dos ossos e dos dentes.

Ajuda na mineralização dos ossos, previne raquitismo em crianças e a osteoporose em adultos.

Auxilia na manutenção do sistema imunológico. Previne o diabetes e doenças cardiovasculares.

Promove maior força e resistência aos músculos e reduz o risco de fraturas e quedas.

Seus benefícios são:

Coração: Atua na participação das contrações do coração. A falta da Vitamina D pode causar o acúmulo de cálcio nas artérias podendo gerar placas e assim obstrução das mesmas.

Fraturas: A vitamina D proporciona força muscular e sua ausência pode gerar futuras fraturas óssea por afetar a mineralização óssea.

Fortalecimento ósseo: A Vitamina D atua de maneira direta no cuidado e preservação dos ossos. Indivíduos com deficiência de vitamina D podem chegar a ter 30% menos de cálcio em suas dietas. A ausência desta vitamina podem acarretar doenças mais graves como o raquitismo em crianças e a osteoporose em adultos.

Diabetes: O uso da vitamina D pode contribuir na redução do aparecimento da diabete, isso ocorre pois a vitamina D causa um tipo de secreção de insulina fazendo com que o corpo tenha condições de processar o açúcar e dessa forma evitar o aparecimento da diabete.

Massa muscular: Por meio de estudos realizados, pesquisadores identificaram que pessoas com deficiência em vitamina D3 em seu organismo tendem a ter diminuição da força muscular, por outro lado pessoas que fazem uso de suplementação ou alimentação contendo vitamina D3 conseguem obter uma síntese de proteínas que ajudam a conseguir um crescimento de massa muscular, fazendo com que estes músculos consigam gerar mais força e resistência. Outra vantagem no ganho de massa muscular usando a vitamina D esta ligada a obter bons níveis de testosterona

Saúde mental: O uso da vitamina D pode evitar doenças como mal de Alzheimer e Parkinson em pessoas idosas, além de controlar transtornos de mudança de humor como casos de depressão.

Zinco

O zinco é um dos sais minerais cujos benefícios são mais desconhecidos pela população em geral. De fato, as necessidades humanas de zinco são baixíssimas, mas mesmo uma deficiência pequena pode ser uma catástrofe para a saúde em geral. Esse elemento regula inúmeras funções corporais, de modo que a sua falta provoca uma série de problemas que, em geral, são atribuídos a outras causas. As funções do zinco não colaboram apenas para a boa saúde em geral, mas também para a saúde reprodutiva e para a fertilidade de homens e mulheres. Além disso, há inúmeros benefícios do zinco para a boa forma, sobretudo porque níveis adequados de zinco favorecem o emagrecimento e o ganho de massa muscular.

Benefícios

Enzimas

A influência do zinco para a saúde humana é tão generalizada que, em geral, é difícil saber por onde começar. Os níveis de zinco regulam, por exemplo, o funcionamento de mais de trezentas enzimas importantes no corpo humano, de modo que se percebe rapidamente a extensão de sua importância. As enzimas são substâncias que facilitam ou até mesmo possibilitam inúmeras reações químicas no corpo humano, concentradas sobretudo na digestão e no metabolismo. O funcionamento adequado das enzimas está amplamente relacionado à perda de peso e à saúde do sistema digestivo, fatores que são, portanto, benefícios do zinco para a nossa saúde.

Prevenção de Doenças Crônicas

Talvez a mais importante das funções do zinco seja sua colaboração para a reprodução saudável das células, que beneficia o funcionamento de todos os sistemas do corpo e, de modo extremamente significativo, ajuda a prevenir todos os tipos de câncer. O câncer, juntamente a outras doenças crônicas e degenerativas, é também evitado pelas funções antioxidantes do zinco. O zinco possui a capacidade de neutralizar os efeitos dos radicais livres, substâncias responsáveis por danificar inúmeros tecidos do corpo humano e, assim, provocar uma série de doenças.

Maior Imunidade

Bons níveis de zinco são necessários para o funcionamento adequado do sistema imunológico. Ao garantir a saúde das células, o zinco estimula o sistema imunológico em um de seus componentes mais importantes: em virtude da presença desse mineral, o número de linfócitos T é aumentado, tornando o sistema imunológico mais potente.

Prevenção contra Doenças Cardiovasculares

O sistema circulatório também é contemplado com os benefícios do zinco: na presença de bons níveis de zinco, as células do endotélio (isto é, o tecido que reveste os vasos sanguíneos) são mantidas saudáveis e em bom funcionamento. Isso evita inflamações e sobretudo o acúmulo de colesterol, de modo que o risco de doenças cardiovasculares se reduz

Regulação do Sistema Endócrino

O sistema hormonal também é amplamente dependente dos níveis de zinco. Um dos mais significativos benefícios do zinco se dá sobre a sensibilidade do corpo à insulina, de modo que esse mineral é de grande importância para evitar e para tratar a diabetes. A glândula tireoide é outro componente do sistema hormonal que é beneficiada pelas funções do zinco. Os níveis de zinco asseguram que a glândula seja corretamente estimulada. A importância central da tireoide no organismo faz com que esse benefício se propague em cadeia.

Saúde Mental e Nervosa

Os benefícios do zinco abrangem também o sistema nervoso. Como o revestimento das células nervosas é feito por gorduras cujas sínteses dependem do zinco, esse elemento é simplesmente essencial para o funcionamento e para a comunicação entre os neurônios. Esse efeito faz do zinco um excelente meio de promover uma boa memória e o aprendizado, combatendo doenças como o Mal de Alzheimer e o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (ADHD). O zinco promove o balanço adequado entre o sono e a vigília, além de promover a síntese da Dopamina e da Serotonina, cujos baixos níveis são associados à depressão. Além disso, o paladar e o olfato têm seu bom funcionamento auxiliado pelo zinco.

Combate aos Sinais do Envelhecimento

Quando se trata de beleza, o zinco exerce uma poderosa influência sobre a boa aparência da pele e dos cabelos, evitando males como a acne e retardando o aparecimento dos sinais do envelhecimento. O processo de envelhecimento também é retardado nos olhos, de modo que a degradação da visão acontece bem mais lentamente caso haja bons níveis de zinco.

Saúde Masculina

Os homens são especialmente dependentes de níveis adequados de zinco em seus corpos. Especialmente a próstata se vê prejudicada caso os níveis de zinco sejam insuficientes, de modo que suas funções não são adequadamente cumpridas. Além disso, o zinco diminui dramaticamente as chances de câncer na próstata. A produção da testosterona também é dependente de níveis significativos de zinco, tanto diretamente quanto indiretamente, através do estímulo à glândula tireoide. O mau funcionamento da próstata, bem como os baixos níveis de testosterona, conduzem a uma diminuição da libido e da fertilidade. A fertilidade ainda é influenciada pelo zinco na medida em que esse mineral favorece a mobilidade dos espermatozoides, cuja deficiência é maior causa da infertilidade masculina. Especialmente relevante para os homens é o papel do zinco na saúde dos cabelos, de modo que o zinco pode evitar a calvície que atinge muitos deles.

Saúde Feminina

Apesar de precisar de menos zinco que os homens, as mulheres também são muito dependentes do zinco. A produção dos óvulos requer a presença de zinco, de modo que esse mineral assegura a fertilidade feminina, bem como bons níveis de libido. Os hormônios estrogênio e progesterona também têm o seu funcionamento beneficiado pela presença do zinco, de modo que a falta desse mineral prejudica a saúde feminina de modo intenso, podendo facilitar a ocorrência de câncer de mama. Além disso, o zinco é associado à densidade óssea, de modo que evita a osteoporose que afeta tantas mulheres.

Perda de Peso

Uma vez que um dos benefícios do zinco é o aumento da sensibilidade à insulina, esse mineral pode ser de grande ajuda na perda de peso. Quando o corpo se torna mais sensível à insulina, há uma tendência à diminuição da produção desse hormônio. A ajuda na perda de peso se dá em virtude do papel da insulina no estímulo ao acúmulo de gordura, que se vê assim reduzido. A função do zinco no estímulo da tireoide também é importantíssima, uma vez que os hormônios dessa glândula regulam a velocidade do metabolismo. Bons níveis de zinco aceleram o metabolismo, favorecendo a queima de calorias. Além disso, mais um dos benefícios do zinco é contribuir para a diminuição da ingestão de calorias ao ajustar o paladar, de modo que comidas de sabor intenso (que geralmente contêm grandes concentrações de gordura e de açúcar) passam a não ser tão desejadas quanto antes.

Ganho de Massa Muscular

O Zinco é de grande importância para a reprodução e para o reparo de células danificadas, de modo que os benefícios do zinco sobre o crescimento muscular após o treino de hipertrofia são significativos. Além disso, o crescimento muscular também é influenciado positivamente por bons níveis de testosterona, que são beneficiados pela concentração adequada de zinco. Como antioxidante, o zinco protege ainda os músculos dos radicais livres após o treino, favorecendo uma recuperação mais rápida e completa dos músculos.

Suplementação de Zinco

A suplementação de zinco não é necessária se os níveis recomendados puderem ser obtidos através da alimentação, o que é plenamente possível para quase todas as pessoas. Há grupos, porém, que podem se beneficiar muito com a suplementação. Os vegetarianos e veganos, por exemplo, têm acesso a fontes limitadas de zinco, de modo que a suplementação pode ser necessária caso suas dietas não sejam bem planejadas. Mais dramaticamente, porém, precisam da suplementação as pessoas com quaisquer doenças que dificultem a absorção do zinco ou de sais minerais em geral. Pessoas que precisam de uma concentração maior de zinco, como grávidas, lactantes e idosos, também podem se beneficiar da suplementação. A dose do suplemento deve, porém, ser muito bem calculada. Recomenda-se a consulta a um médico um a um nutricionista, para evitar os efeitos negativos de uma overdose do mineral.

Cuidados

A quantidade exagerada pode provocar muitos problemas, e pode mesmo comprometer a saúde das áreas reguladas por esse mineral. Além disso, doses altas demais de zinco são associadas a náuseas, vômitos, perda de apetite e dor de estômago, além de dor de cabeça e diarreia. O consumo excessivo pode ainda prejudicar a absorção de outros nutrientes essenciais, como cobre e ferro, de modo que os benefícios do zinco obtidos com altos níveis podem provocar prejuízos pela falta de outros minerais.

Indicações

Combate gripes e resfriados;

Ajuda a prevenir doenças Auto-Imunes;

Combate gripes e resfriados;

Suporta a função imunológica saudável;

Poderoso antioxidante;

Importante para a saúde da gengiva;

Suporta uma resposta saudável de histamina (Diminui quadros alérgicos);

Suporta a função cardiovascular saudável;

Essencial para a produção de colágeno;

Tem demonstrado fortalecer as veias sanguíneas;

Suporta a função cerebral saudável;

Suporta uma resposta inflamatória saudável;

Melhora o sistema imunológico;

Fortalece o sistema imunológico;

Essencial para o crescimento e recuperação celular;

Ajuda a curar ferimentos, formação sanguínea e o crescimento e manutenção geral de todos os tecidos.

Composição

Vitamina C (ácido ascórbico, ascorbato de sódio) - 1g;

Vitamina D3 - 3.000ui;

Zinco – 35mg.

Modo de Usar

Tomar 1 dose de manhã ou conforme orientação profissional.

Advertência

Sugestão de uso e benefícios desenvolvidos por profissional habilitado. Todo produto deste site possui dosagens dentro dos padrões usuais.

Estiver grávida ou amamentando, consulte um médico antes de usar este produto.

Mantenha fora do alcance de crianças. Guarde em local frio e seco.

Não misturar esse medicamento com outro tipo de estimulante drogas ou bebida alcoólica.

Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.

Imagens meramente ilustrativas.

É recomendável uma dieta e exercícios físicos para auxiliar a redução de "peso".

Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.

Em caso de hipersensibilidade ao produto recomenda- se descontinuar o uso e consultar o médico.

Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.

Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz do calor e da umidade. Nestas condições o medicamento se manterá próprio para o consumo respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.

Embora não existam contra-indicações relativas a faixas etárias recomendamos a utilização do produto para pacientes de idade adulta.

Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas procure orientação médica.

O uso do medicamento durante o período de amamentação também não é recomendado.

Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.

"SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO".

Não se trata de propaganda, e sim de descrição do produto, consulte sempre um especialista.

Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a resolução 586/2013 do Conselho de Farmácia.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


    Confira os produtos